Frei Michel da Cruz, OFMConv
No presente há sempre um presente: a chance de se trabalhar.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

Excessos
Em certas situações da vida, não cabem meias medidas. Quando a nossa salvação e a de nossos irmãos está em jogo, precisamos ser radicais. Aqui, não há espaço para pequenas podas ou concessões. O mal precisa ser extirpado na raiz. Pois, do contrário, o dano causado pela nossa falta de coragem pode ser pior. O cristão não deve ter medo de romper radicalmente com tudo o que o leva a cair no pecado. Ele deve adotar uma postura constante de vigilância acerca dos seus olhares, das suas ações e dos caminhos percorridos. O cuidado dessas três coisas é essencial para a salvação. Pelos olhos, janela da alma, se entra a cobiça, a luxúria e a inveja, que nos impedem de ver o outro como um irmão, filho do mesmo Pai. Pelas mãos, damos vazão à violência e a atos que ferem a dignidade nossa e de nossos irmãos. Por sua vez, nossos pés podem nos levar para caminhos tortuosos, distantes do projeto do Reino de Deus para cada um de nós. Em suma, na vida, só cresce quem tem a coragem de romper com tudo que impede e adia a felicidade .
Frei Michel da Cruz
Enviado por Frei Michel da Cruz em 20/08/2019
Alterado em 20/08/2019


Comentários